domingo, 21 de dezembro de 2008

O olhar

Não sei como poderei viver sem um amor verdadeiro. Sentir o amor em sua plenitude tem um efeito imediato sobre meu coração, para não dizer sobre minha existência. Não é necessário falar nada, basta o olhar de quem nos ama para que tudo fique evidente e faça um sentido enorme. Como pude ficar tanto tempo distante desse olhar?
Esses olhos sempre estiveram presentes em minha vida. Cuidaram de mim quando eu precisava de carinho e proteção. Foram capazes de fazer um esforço enorme para que eu me tornasse o que sou. Não precisava pedir nada, pois sempre estiveram disponíveis para mim. Sempre estiveram atentos às minhas conquistas e fracassos e sempre tinham o que dizer para mim. Acreditavam e investiam em tudo que me fizesse um homem capaz e cheio de possibilidades.
A vida nos tornou cúmplices em todos os momentos e somamos forças e coragem para superar o que nos cabia. Fizemos o melhor que podíamos em todas as situações. Não faltamos com quem nos pedia ajuda e apoio, mesmo sabendo que não poderíamos contar com o reconhecimento e retribuição. Esses olhos pequenos me acordavam com beijos sempre que podiam e me marcaram para toda vida.
Como pude esquecer desses pequenos olhos? Olhos que me ensinaram ser um homem generoso e ter uma visão ampla de tudo. Olhos que me ensinaram a ser reconhecido, mas que não desistiram de me fazer crer que o perdão é necessário e urgente, assim como a vida.
Fui surpreendido por esses olhos dia desses. Estavam vivos como nunca, emoldurados pelo amor que transmitiam para mim. Fiquei surpreso em saber que tinham a mesma força. Continuam a meu lado, torcendo e acreditando por mim. Olhos fiéis, olhos fortes que conseguem ler meus pensamentos e saber com precisão o que se passa na minha alma.
As palavras desaparecem, as mãos ficam trêmulas, o coração bate forte, as lágrimas molham meu rosto e o que sinto me traz um conforto e uma certeza enorme que recebi de Deus os maiores tesouros; só podia ser através Dele: minha mãe e minha filha. Elas compartilham comigo, os mesmos pequenos olhos que expressam silenciosamente o que mais preciso.

Nenhum comentário:

Sentido

Sentido
Uma das melhores maneiras de dar um sentido para a vida, é procurar deixar o mundo um pouco melhor do que nós o encontramos. Autor desconhecido

Viver: renúncia, prazer, amor e leveza

Minha foto
Petrópolis, Rio de Janeiro, Brazil
Um professor com alma de aluno.